‘Reencontro com a Escola’ injeta R$ 67 milhões na economia e beneficia quase 300 mil estudantes

O Governo do Pará continua o pagamento dos beneficiários do Programa “Reencontro com a Escola” até o próximo dia 18 de fevereiro. Cerca de 600 mil alunos de instituições de ensino vinculadas às secretarias de Estado de Educação (Seduc) e de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (Sectet) estão sendo beneficiados com a cota única, nos valores de R$ 100,00 e R$ 500,00.Everson Monteiro e a filha, Evelin. Recurso será usado na compra de material escolar.Foto: Eliseu Dias / Ascom Seduc

Everson Monteiro aproveitou a tranquilidade na agência do Banco do Estado do Pará (Banpará), no bairro da Pedreira, em Belém, e acompanhou a filha Evelin para sacar a bolsa de R$ 100,00. “O programa veio em boa hora. Essa iniciativa é excelente para estimular os alunos. A minha filha estava ansiosa, quase não dormia esperando a data de saque dela”, disse o eletricista.

Para Evelin Lorena, o recurso já tem destino certo. “Eu vou comprar material escolar. Caneta, caderno, lápis, borracha, apontador e lápis de cor. Eu vou cuidar de tudo. Como vou para o 6º ano é mais responsabilidade”, informou a aluna da Escola Estadual Profª Emiliana Sarmento Ferreira.

Foto: Eliseu Dias / Ascom Seduc“O Governo do Pará, por meio da Seduc e Sectet, segue fazendo o pagamento das bolsas em cota única para estimular o retorno às aulas e diminuir a evasão escolar. Ate esta sexta-feira (11), pagamos mais de 298 mil alunos e injetamos na economia paraense mais de R$ 67 milhões”, ressaltou a secretária de Estado de Educação, Elieth de Fátima Braga.

Documentação – Para sacar o benefício é preciso ficar atento à documentação necessária. O beneficiário ou representante deve ter a declaração de matrícula expedida diretamente no site da Seduc; documento oficial com foto (RG, Carteira de Trabalho e CNH); comprovante de vacinação contra a Covid-19 (exigido para maiores de 12 anos).

Tassiane Nascimento, aluna do 2º ano da Escola Estadual Lauro Sodré, levou todos os documentos, e disse que não enfrentou dificuldades, pois “o processo foi muito tranquilo. Como o ano letivo já vai começar, eu vou comprar meu material escolar. Eu não trabalho. Acabei de completar 18 anos e dependo apenas da mesada que o meu pai me dá”, acrescentou.AlunaTassiane Nascimento com os documentos necessários ao recebimento do benefícioFoto: Eliseu Dias / Ascom Seduc

Para que alunos com idade inferior a 18 anos possam receber o auxílio, os pais ou responsáveis devem acrescentar seu CPF ao certificado de matrícula. A imunização contra Covid-19 é uma das principais condicionantes para receber o recurso.

Neste sábado (12), as agências do Banpará abriram das 08 às 12 h para atender quem nasceu entre 1º e 10 de novembro.

Pagamento das demais datas:

– Dia 14 de fevereiro de 2022 – nascidos entre 11 e 20 de novembro

– Dia 15 de fevereiro de 2022 – nascidos entre 21 e 30 de novembro

– Dia 16 de fevereiro de 2022 – nascidos entre 1º e 10 de dezembro

– Dia 17 de fevereiro de 2022 – nascidos entre 11 e 20 dezembro

– Dia 18 de fevereiro de 2022 – nascidos entre 21 e 31 de dezembro

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui