Prouni 2021.1 não usará notas do Enem 2020, confirma edital

Anunciadas semanas atrás pelo Ministério da Educação, as inscrições do Programa Universidade Para Todos (Prouni) relativas ao 1º semestre de 2021 foram confirmadas em edital lançado na segunda-feira (14). Interessados terão de 12 a 15 de janeiro de 2021 para realizar o procedimento exclusivamente, pela internet, na página do Prouni.

No primeiro semestre deste ano o candidato não poderá utilizar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020, uma vez que o resultado do exame será divulgado em período posterior à seleção do Prouni. O estudante deverá utilizar como base para inscrição a nota do Enem mais recente, até a data de início das inscrições, e ter alcançado, no mínimo, 450 pontos de média nas notas das provas do exame. Além disso, o estudante não pode ter zerado a redação.

De acordo com o calendário do processo seletivo, no dia 19 de janeiro será divulgado o resultado da 1ª chamada e, no dia 1º de fevereiro, o resultado da 2ª chamada. O candidato pré-selecionado deve ficar atento aos períodos estabelecidos no cronograma para apresentar os documentos que comprovam as informações registradas na inscrição.

Os documentos devem ser entregues na instituição para a qual o candidato foi pré-selecionado. A perda do prazo ou a não comprovação das informações implicará, automaticamente, na reprovação.

O candidato não pré-selecionado em nenhuma das duas chamadas do Prouni ainda poderá disputar uma bolsa por meio da lista de espera. Nos dias 18 e 19 de fevereiro, o candidato inscrito no processo seletivo do 1º semestre de 2021 pode manifestar interesse em participar dessa última etapa da seleção do Prouni. O resultado da lista de espera será divulgado em 22 de fevereiro. O prazo para a comprovação da documentação, por parte dos candidatos pré-selecionados por meio da lista de espera, é de 22 a 25 de fevereiro de 2021.

 

Fonte: Agência Educa Mais Brasil