Projeto visa difundir a educação previdenciária para servidores municipais de Belém

Projeto teve sua primeira edição com servidores do Instituto de Previdência.

Democratizar as informações sobre o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) dos/as servidores/as efetivos/as municipais de Belém. Esse é o objetivo principal do Projeto A Previdência É Nossa, que realizou sua primeira edição, nesta quarta-feira, 20. O encontro teve a presença de servidores do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Belém (IPMB), que se reuniram no miniauditório do prédio-sede da entidade municipal.

O projeto faz parte do Planejamento Estratégico do Instituto, que visa difundir a educação previdenciária para os servidores municipais de Belém. Para participar do evento, os servidores do IPMB fizeram inscrição por meio de formulário disponibilizado no site do Instituto.

Na abertura do encontro, a presidente do IPMB, Edna D’Araújo, fez a apresentação do projeto, da comissão organizadora responsável pela programação e dos palestrantes que irão aos órgãos e entidades municipais ao longo do ano. “Iremos até os servidores efetivos para que conheçam, de fato e direito, a previdência municipal. É um projeto contínuo e espero que alcance o público que almejamos”, destacou.

A assistente social Gisele Batalha, responsável pela coordenação da comissão organizadora, falou sobre a dinâmica do encontro e entregou aos servidores fichas de avaliação, para preenchimento ao final do evento.

Palestras – A coordenadora previdenciária do IPMB, Silvia Salazar, proferiu a primeira palestra em que apresentou um breve histórico do Instituto de Previdência. Em seguida, a presidente Edna D’Araújo apresentou informações sobre as finanças da previdência municipal, como gastos com folha de pagamentos de inativos e pensionistas, valores arrecadados para pagamento dos benefícios previdenciários de aposentadoria e pensão por morte, aporte financeiro do ente municipal, quantitativo de segurados, saldo de Fundo Previdenciário, entre outros dados.

Para a agente administrativa Rosiclea Costa, lotada no Departamento de Previdência do IPMB, a iniciativa de promover o projeto representa uma inovação na gestão previdenciária. “Pela primeira vez, em 20 anos de serviço público, vejo um projeto como esse. Não tinha ideia de muitas das informações sobre a previdência municipal”, salienta.

O projeto prosseguirá no próximo dia 29, para os servidores do Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores Públicos do Município de Belém (IASB).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui