Projeto “Portal do Conhecimento” impulsiona a democratização do acesso aos livros no Pará

Incentivar o hábito da leitura, promover a sustentabilidade, democratizar o acesso aos livros e proporcionar experiências literárias únicas, sobretudo, em comunidades paraenses com maiores índices de pessoas em situação de vulnerabilidade social são os principais objetivos da Imprensa Oficial do Estado (Ioepa) ao desenvolver o projeto “Portal do Conhecimento”, que estimula a doação de livros para bibliotecas públicas e comunitárias, escolas, associações de moradores, organizações religiosas e instituições sociais.

“Acredito que ler é viajar a vários lugares sem sair do lugar, é o alimento da alma porque abre horizontes e pode nos tornar pessoas melhores. Considero a leitura um direito humano ao conhecimento, que deve ser acessível a todas as pessoas, especialmente, em um país tão desigual econômica, social e culturalmente. Embora vivamos em uma era digital e virtual, a internet ainda não está acessível a toda a população, por isso, o livro físico tem uma importância ainda maior e certamente contribui para que tenhamos uma sociedade justa, igual e sem violência”, ressalta Sandra Batista, coordenadora do “Portal do Conhecimento”.

Foto: Pedro Guerreiro / Ag. ParáCom o slogan “Doe livros, doe conhecimento”, o Portal celebra o Dia Internacional da Doação de Livros, comemorado nesta segunda-feira (14). “O livro que você não quer mais na biblioteca ou nas suas estantes pode chegar em outras mãos que, muitas vezes, são carentes e não conseguem comprar um livro”, destaca.

Uma das iniciativas que recebeu doações do Portal, em 2021, foi o projeto social Barraca dos Livros Viajantes, no distrito de Taboca, em São Félix do Xingu. A biblioteca comunitária, que funciona aos domingos, na feira local, foi selecionada para receber mais de 100 livros. A professora Rozania Oliveira, uma das coordenadoras da Barraca, assegura que a doação contribuiu bastante para o projeto.

“Nos ajudou a ter variedades nas nossas prateleiras para os leitores. Contamos agora com novas temáticas infantis, infantojuvenis, religiosas, de literatura, autoajuda, poemas e poesias, o que atraiu mais leitores. A biblioteca mais próxima fica a 100 km da localidade, que é em São Félix do Xingu, o que dificultava o acesso aos livros. Agora ficou muito melhor para a comunidade”, pontua a professora. O projeto empresta livros, mediante um cadastro do leitor.

Alexandre Lopes é um dos leitores que participam da Barraca dos Livros Viajantes e celebra a iniciativa de doação do Governo do Estado. “A nossa região é muito carente de apoio e suporte para a educação. A Barraca foi implantada em um momento crítico da pandemia, quando as escolas estavam sem atividades presenciais. Começou com acervo pequeno e com o apoio do governo, aumentou muito a quantidade de livros disponíveis, o que ajuda demais o projeto e os moradores do distrito”, diz.

Portal do Conhecimento
Em 2021, o projeto arrecadou 10.770 doações de livros diversos de pessoas físicas e jurídicas que souberam do projeto e viram que tinham livros em casa para doar. Foram doados 6.800 livros. De janeiro até o momento, o projeto já arrecadou quase 2.500 livros, sendo que boa parte dessas doações são oriundas da parceria com o Sindicato dos Condomínios (Sindicov).

Foto: Pedro Guerreiro / Ag. ParáA coordenadora do Portal explica que embora a meta seja o incentivo à leitura para todas as faixas etárias, arrecadar livros de literatura infantojuvenil e quadrinhos para crianças de 05 a 12 anos é uma das prioridades do projeto.

Entre os municípios contemplados pelo Portal, estão: Belém, São Félix do Xingu, Santa Bárbara, Benevides, Portel, Muaná, Tracuateua, Quatipuru, São Miguel do Guamá, Ipixuna do Pará, Acará, Alenquer, Augusto Corrêa e Curralinho. Os projetos Bibliotecas comunitárias, Barraca dos Livros Viajantes, Kombiteca do Assentamento Abril Vermelho, Centro Comunitário Curió Utinga, Associação de Artes Marciais do Murinim, Associação de Moradores São Joaquim e as Usinas da Paz do Icuí-Guajará e Cabanagem também recebem apoio do Portal do Conhecimento.

Serviço:
As cidades que tiverem interesse em criar e ampliar seu acervo de livros podem enviar ofício via e-mail para [email protected] O telefone do projeto é (91) 4009- 7847. Quem quiser doar ou obter informações sobre a doação de livros pode acessar a página do Portal do Conhecimento no Facebook.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui