Prefeitura oferece ações de cidadania no bairro da Marambaia

Exame de glicemia que mede o nível de glicose (taxa de açúcares) na corrente sanguínea, feito a partir de uma coleta do sangue venoso.

Serviços de saúde, cidadania, cadastramento no CadÚnico e atividades esportivas fazem parte da ação de cidadania oferecida pela Prefeitura de Belém, por meio da Coordenadoria da Diversidade Sexual de Belém (CDS), aos moradores do bairro da Marambaia, um dia diferenciado que agradou toda a comunidade.

A cuidadora de idosos Iolanda Barata, de 60 anos, e o esposo dela Domingos Pinheiro, de 64 anos, estiveram na ação em busca de verificar a pressão, glicemia e de passar por consulta médica. “Eu achei tão bom, porque foi bem rápido fazer todos esses serviços. Agora, com encaminhamento da médica vou à farmácia comprar o remédio”, comentou a cuidadora de idosos.

“Eu tô aproveitando a ação da Prefeitura de Belém para me cadastrar no CadÚnico. Eu preciso entrar em algum programa social, porque estou desempregada. Então, para nós moradores da Marambaia essa ação é muita válida”, contou a dona de casa Ocilea da Costa Monteiro, 51 anos.

Gleba I – A ação coorreu neste sábado, das 08h às 12h, no Tabernáculo Movidos pelo Espírito Santo, na travessa SN4 Conjunto Gleba I, esquina com a passagem Dalva, os moradores do bairro da Marambaia e do entorno receberam várias orientações sobre os serviços de proteção e ainda passaram por consultas médicas, fizeram verificação da pressão arterial, da glicemia, teste de Hepatite B e vacinação, como a de prevenção da Febre Amarela, tétano e HPV.

Quem elogiou a iniciativa foi Ezita Monteles, de 68 anos, moradora do Gleba I há 40 anos. “Eu acho muito legal ter esse tipo de ação aqui bairro. Muitas vezes é difícil conseguir fazer esses testes que estão sendo oferecidos hoje aqui, por isso tô aproveitando para cuidar da minha saúde”, disse com entusiasmo.

Mês das mulheres – A CDS tem como missão fomentar e articular políticas públicas para a população LGBTQIA+ de Belém, com a valorização de sua Cidadania.

A titular CDS, Jane Patrícia Gama, informa que a ação cidadã vai contemplar os demais bairros da capital paraense e o próximo a receber será o bairro da Condor.

“O evento foi pensada para atender as mulheres, pois, estamos no mês das mulheres, e atender a comunidade LGBTQIA+. E, logo mais, vamos proporcionar a Gaymada, um evento esportivo que faz muito sucesso”, disse a Jane Patrícia.

Na Marambaia, a programação seguiu das 14h atéàs 22h, com a realização da Gaymada na passagem Dalva, com a passagem Cajuí, finalizando com premiação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui