Prefeito fixa nova tarifa de R$ 4 reais – 31% abaixo da proposta dos empresários

O valor da tarifa de transporte público em Belém será de R$ 4,00, a partir desta segunda-feira, 28. Ele está bem abaixo do que foi determinado pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belém (Setransbel), o qual era de R$ 5,12. Sendo assim, ficou R$ 1,12 a menos, ou seja, 31% abaixo que o proposto pelos empresários, que pleiteavam 42% de acréscimo.

O anúncio do veto de R$ 5,12 e fixação da trifa em R$ 4,00 foi feito pelo prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues, na tarde de sexta-feira, 25, por meio de suas redes sociais. Ele assinou o decreto logo nesta sexta, 25, homologando a tarifa para R$ 4,00.

Com a medida do prefeito, a tarifa passará dos atuais R$ 3,60 para R$ 4,00. Assim sendo, R$ 0,40 centavos a mais ou 11% de reajuste, ficando abaixo da inflação.

A decisão do prefeito leva em conta, principalmente, a questão socioeconômica da população da capital paraense. “O reajuste que determinei levou em consideração a situação econômica e social da população que utiliza o transporte coletivo na cidade, que, há anos, vem sendo sucateado, e que não suportaria pagar por valor mais alto”, ressalta o prefeito Edmilson Rodrigues.

Mais medidas

Sobre o financiamento do sistema de transporte, o prefeito Edmilson Rodrigues disse que, em conjunto com outras prefeituras da Região Metropolitana de Belém, serão construídas soluções para o financiamento do sistema, como o subsídio que já está em aprovação pelo Congresso Nacional, em Brasília (DF).

Outro anúncio feito pelo gestor municipal foi a abertura do edital de licitação para a modernização do transporte coletivo, que será em até 60 dias – o que vai proporcionar renovação da frota, a inclusão gradativa de ônibus com ar-condicionado e tarifa do transporte público socialmente justa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui