Pará recebeu 88 empreendimentos e 3,9 mil moradias do Governo Federal

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), entregou, em 2021, 88 empreendimentos no Pará. Além disso, foram 22 obras contratadas e outras 57 retomadas. O investimento federal no estado foi de R$ 134,3 milhões, entre recursos do Orçamento Geral da União (OGU) e financiamentos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Na área de saneamento básico, o MDR investiu cerca de R$ 64 milhões para entregar, retomar e contratar 28 obras. Em dezembro, por exemplo, foram investidos R$ 3,1 milhões em obras de saneamento básico nas cidades de Santarém e Monte Alegre, beneficiando 26,3 mil famílias.

“Nós sabemos o benefício que o tratamento de água, de esgotos, a canalização adequada dos córregos propicia às cidades. Então, estamos fazendo todo o esforço para que não haja nenhuma interrupção do cronograma dessas obras”, destacou o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho.

Habitação

Mais de 15 mil pessoas puderam ter o sonho da casa própria realizado em 2021 no Pará, por meio do Programa Casa Verde e Amarela, com a entrega de 3.892 moradias. O Residencial Beira Rio, em Ananindeua, foi um dos empreendimentos concluídos. Com 496 moradias, cerca de 2 mil pessoas de baixa renda foram beneficiadas.

Outros dois mil moradores de Santa Izabel do Pará (PA) também foram agraciados com a casa própria. O MDR entregou 500 unidades habitacionais do Residencial Porangaba, que recebeu R$ 47,8 milhões em investimentos.

Desenvolvimento regional

Ciente do potencial do Pará na criação de abelhas, o Governo Federal apoiou os apicultores do estado na implantação da Rota do Mel. Cerca de 500 produtores participaram da iniciativa, que teve como objetivo principal a integração dos apicultores e meliponicultores. Em 2019, o Pará produziu 670 toneladas de mel, o que corresponde a 65% de toda a Região Norte.

Por meio da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam), o MDR também firmou convênios com 10 municípios paraenses para repasse de recursos para a compra de equipamentos, como patrulhas mecanizadas agrícolas, e outras obras, entre elas de pavimentação e construção de mercado municipal.

Proteção e defesa civil

Ao longo de 2021, a Defesa Civil Nacional investiu cerca de R$ 22 milhões em obras de prevenção, ações de socorro, restabelecimento e obras de reconstrução no estado do Pará. Entre as entregas está o muro de contenção da praia de Ajuruteua, no município de Bragança.

A obra, que recebeu investimento de R$ 9 milhões, tem como principais objetivos proteger a orla contra a maré cheia e evitar novas erosões das áreas habitadas.

Em números

Total repassado ao Pará em 2021:

  • R$ 81.675.027,55 (OGU) – sem produção habitacional
  • R$ 52.690.097,40 (FGTS) – sem produção habitacional

88 empreendimentos entregues

  • 4 de saneamento
  • 41 de proteção e defesa civil
  • 26 de mobilidade/desenvolvimento regional e urbano
  • 5 da Codevasf
  • 12 da Sudam
  • 3.892 unidades habitacionais entregues – 15,5 mil pessoas beneficiadas

57 obras retomadas

  • 20 de saneamento
  • 6 de urbanização
  • 31 de mobilidade/desenvolvimento regional e urbano

22 obras contratadas

  • 2 de saneamento
  • 1 de proteção e defesa civil
  • 19 de mobilidade/desenvolvimento regional e urbano
  • 2.652 unidades habitacionais contratadas.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui