Pará mantém em setembro o quarto mês consecutivo de redução no desmatamento

Pelo 4º mês seguido, o Pará conseguiu manter a redução das taxas de desmatamento em comparação ao período de um ano. Em setembro de 2020, os satélites de monitoramento verificaram 519,93km² de desmatamento ilegal no Pará, enquanto que em setembro deste ano a área desmatada foi de 366,19km², o que corresponde a uma redução de 30%.

Nas áreas que estão sob administração estadual, a área desmatada caiu de 162,73km² (em setembro do ano passado) para 116,89km² no mesmo período em 2021, uma queda de 28%. Já nas áreas que são de responsabilidade do governo federal, o total desmatado em setembro de 2020 foi de 357,20km² e no mesmo mês de 2021 foi de 249,29, uma redução de 30%.

Foto: Bruno Cecim

O balanço foi realizado pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), com base nos dados gerados pelo Deter, sistema de alerta de desmatamento desenvolvido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe).

A estratégia do estado em aliar ações de repressão a crimes ambientais com uma política de desenvolvimento sustentável tem garantido o ritmo de redução na degradação ambiental, como afirma o secretário de meio ambiente e sustentabilidade do estado, Mauro O’ de Almeida. “Além de mostrar a eficiência das operações de combate ao desmatamento, como a Operação Amazônia Viva, por exemplo; essa constância na queda dos índices de degradação ambiental no Pará evidencia que as políticas integradas de desenvolvimento sustentável, aplicadas ao Plano Estadual Amazônia Agora, por meio da regularização ambiental e rural e do fomento à produção, ao estímulo e apoio a linhas de crédito rural; são caminhos para a manutenção da sustentabilidade em detrimento da degradação”, pontua o titular da secretaria. 

O secretário reforça ainda que as estratégias de fomentação ao desenvolvimento da bioeconomia e o aperfeiçoamento de novas ferramentas de rastreabilidade da produção agropecuária, como o Selo Verde, reforçam esta política de desenvolvimento socioambiental para consolidar uma redução constante nos índices de desmatamento.