México encontra 15.000 tartarugas em caixas com destino à China

As autoridades mexicanas disseram na terça-feira que apreenderam um carregamento de 158 caixas de madeira com destino à China contendo cerca de 15.000 tartarugas de água doce, algumas delas ameaçadas de extinção.

A promotoria ambiental disse que as caixas foram encontradas em uma instalação de frete nos arredores da Cidade do México.

As tartarugas incluíam tartarugas de lama de lábios brancos, tartarugas gigantes mexicanas, tartarugas de ponte estreita e o controle deslizante de orelhas vermelhas comum. Cerca de 260 das criaturas morreram nos caixotes.

O escritório disse que as tartarugas não foram devidamente marcadas, nem a documentação da remessa reflete com precisão as espécies de tartarugas envolvidas.

O comércio de outros tipos de vida selvagem tem sido implicado na transmissão de ameaças como o novo coronavírus para os seres humanos.