Log-In promove “Encontro com Logística” em Belém

A empresa é a única que mantem escritório regional dentro do Porto de Vila do Conde, no município de Barcarena, próximo a Belém

login

A Log-In promove no próximo dia 24 de setembro em Belém, estado do Pará, o “Encontro com Logística”. No evento, o gerente comercial da companhia, Thiago Gonçalves, vai apresentar as vantagens da cabotagem e mostrar como o modal pode agregar valor às indústrias do estado, além de destacar cases de mercado. O evento terá como convidado palestrante Alexandre Araújo, presidente da Associação dos Profissionais de Logística da Amazônia (ASPLAM). A Log-In pretende aprimorar, intensificar e diversificar os investimentos na região norte, considerada pela companhia com grande potencial de expansão dos serviços de cabotagem.

A Log-In é a única empresa que mantem um escritório regional dentro do Porto de Vila do Conde, no município de Barcarena, próximo a Belém. O porto, à margem direita do rio Pará, é uma excelente ligação da região com o resto do mundo. A Log-In iniciou as operações no terminal em 2012 apostando na mudança de perfil do empresariado paraense, que passou a enxergar o modal como uma importante opção logística para a produção local de alumínio e outras matérias primas e produtos da região.

“A companhia foi a primeira empresa de cabotagem a investir na região por enxergarmos na área um grande potencial econômico e um cenário de oportunidades. Somos grandes parceiros no mercado local”, afirma Thiago Gonçalves.

A Log-In Logística Intermodal possui atuação focada na criação de soluções integradas para movimentação portuária no transporte de contêineres porta a porta, por meio marítimo, complementado por ponta rodoviária, bem como pela armazenagem de carga através de terminais intermodais terrestres. A companhia promove soluções logísticas com foco na cabotagem porta a porta integrando os principais portos do Brasil e Mercosul.

Nesses encontros, a companhia oferece informações importantes sobre a equalização dos modais de transporte no Brasil. Entre os benefícios da cabotagem em relação aos outros modais estão: otimização de custos para distâncias a partir de 1.000 Km; menores riscos de roubos e avarias da carga; avanço de estoque para o porto de destino, permitindo melhor controle da operação e entregas com hora marcada, sendo um diferencial da Log-In; e, a baixa emissão de gás carbônico, já que o modal é mais eficiente sob o ponto de vista ambiental, sendo três vezes menos poluente que o rodoviário, por exemplo.

Investindo cada vez mais na qualificação da prestação de serviços e no relacionamento com o cliente, a Log-In lançou recentemente uma nova funcionalidade no seu Portal de Relacionamento com o Cliente, onde já era possível rastrear todo o trajeto das cargas, da coleta à entrega. O portal agora colocou à disposição dos clientes o pedido de cabotagem diretamente via internet, proporcionando ainda mais comodidade, autonomia e agilidade.

Crescimento em meio à crise
No segundo trimestre de 2015, a Log-In atingiu recorde de volume, movimentando 78,5 mil TEUs na navegação costeira, um aumento de 26,3% em relação ao mesmo período de 2014. A cabotagem manteve trajetória de expressivo crescimento, atingindo 36,5 mil TEUs no segundo trimestre de 2015, um crescimento de 14,5%, em relação ao mesmo período do ano passado.

O crescimento forte e contínuo da Log-In se dá em um cenário de baixo crescimento da produção industrial, do comércio e dos serviços. Esse fato evidencia a capacidade da companhia em atrair cada vez mais clientes, que migraram do modal rodoviário, em busca de eficiência logística e menores custos.

Nos últimos sete anos, os volumes da navegação cresceram em média 24% ao ano e, para 2015, a perspectiva da empresa é manter o ritmo de desenvolvimento bastante superior às taxas da economia brasileira.