Animação que fala sobre cabelo afro, vence o Oscar 2020

O curta-metragem de animação Love Hair, patrocinado por Dove, marca da Unilever, conquistou o Oscar da categoria na noite do último domingo (9). Idealizado e dirigido por Matthew A. Cherry, o curta conta a história de um pai que precisa aprender a cuidar do cabelo crespo da filha em um dia especial, transmitindo uma mensagem de aceitação, autoconfiança e amor.

“Hair Love ter sido reconhecido com o Oscar é para nós motivo de muito orgulho, principalmente por transmitir para milhões de pessoas mensagens tão alinhadas ao que pensamos e praticamos na Unilever”, disse ao PROPMARK Luana Suzina, Lead de Diversidade e Inclusão da Unilever Brasil . “Acreditamos no poder da autoestima e da diversidade para impulsionar transformações e influenciar positivamente a sociedade, tornando-a cada vez mais inclusiva e menos estereotipada.”

Love Hair estreou nos cinemas em agosto de 2019 e desde dezembro passado está disponível no YouTube, onde já teve mais de 14,5 milhões de visualizações e 1 milhão de curtidas.

“Partimos nessa jornada para contar a história de um jovem pai negro que, por amor a sua filha, entra num território totalmente desconhecido que é o de arrumar o cabelo dela pela primeira vez. É uma história muito pessoal porque enfrenta os estereótipos sociais negativos em torno dos cabelos crespos e normaliza a representação de uma família negra amorosa que conhecemos tão bem, mas que ainda temos visto muito pouco na mídia”, explicou Cherry na ocasião.

Love Hair começou a ser produzido em 2017 e, para viabilizá-lo, fez uma campanha no Kickstarter – o maior site de financiamento coletivo do mundo. Foi nesta ocasião que Dove tomou conhecimento do projeto e o apoiou por, segundo a marca, estar totalmente alinhado ao propósito global de celebrar a beleza de todos os tipos de cabelo, além de promover a conscientização e tornar ilegal a discriminação contra o cabelo afro nos Estados Unidos por intermédio da Lei Crown (Creating a Respectful and Open World for Natural Hair), já aprovada na Califórnia, Nova York e Nova Jersey.

“Dove realmente apoiou nosso curta desde o começo e tem sido uma parceira incrível. Também estou vendo o trabalho que estão fazendo em torno da Lei Crown para normalizar nossos cabelos, transmitindo uma grande mensagem junto com o filme”, celebra Cherry.

Versão legendada: