Projeto de cisternas sustentáveis da UFPa recebe premiação internacional

amana katu ufpa

O projeto Amana Katu, de alunos da Universidade Federal do Pará (UFPa), que monta cisternas sustentáveis para as famílias ribeirinhas, foi reconhecido como a terceira melhor iniciativa sustentável do Brasil no Prêmio Latinoamérica Verde 2019 (em Equador).

Na tentativa de universalizar a água potável, onde milhares de pessoas vivem rodeadas por água doce mas não podem bebê-la, o grupo Enactus UFPa criou cisternas de baixo custo para que comunidades possam ter acesso à água de qualidade em casa.

A matéria-prima da cisterna é a bombona, reaproveitada da indústria alimentícia, que serve para armazena a água da chuva. O sistema montado pelos alunos custa 52% a menos que o preço de cisternas comuns, devido o uso de mão de obra local, onde jovens das comunidades são treinados em parceria com o Movimento República de Emaús.