Laboratório de Alta e Extra-Alta Tensão é inaugurado no PCT Guamá

730x250

Nesta sexta-feira, 2, foi inaugurado no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá) o Laboratório de Alta e Extra-Alta Tensão, ligado ao Instituto de Tecnologia da Universidade Federal do Pará (ITEC/UFPA). Entre outras autoridades, a cerimônia contou com a presença do reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, da secretária adjunta da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Maria Amélia Enriquez (com a palavra), do diretor presidente do Parque de Ciência e Tecnologia Guamá, Antônio Abelém, do representante da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Sergio Leser, e de empresas ligadas à área energética. O laboratório conta com uma área construída de 1.153,7m² e cerca de R$ 16 milhões em investimentos. O Governo Federal, por meio da Finep, investiu mais de R$ 14 milhões na construção do prédio, aquisição e montagem dos equipamentos. O restante do investimento é proveniente da UFPA e do Governo do Estado, que investiu no asfaltamento da área de acesso ao laboratório. FOTO: ALEXANDRE MORAES / ASCOM PCT GUAMÁ DATA: 02.06.2017 BELÉM - PARÁ

Foi inaugurado recentemente, no Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá) o Laboratório de Alta e Extra-Alta Tensão, ligado ao Instituto de Tecnologia da Universidade Federal do Pará (ITEC/UFPA). Entre outras autoridades, a cerimônia contou com a presença do reitor da UFPA, Emmanuel Tourinho, da secretária adjunta da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), Maria Amélia Enriquez, do diretor presidente do Parque de Ciência e Tecnologia Guamá, Antônio Abelém, do representante da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Sergio Leser, e de empresas ligadas à área energética.

O laboratório conta com uma área construída de 1.153,7m² e cerca de R$ 16 milhões em investimentos. O Governo Federal, por meio da Finep, investiu mais de R$ 14 milhões na construção do prédio, aquisição e montagem dos equipamentos. O restante do investimento é proveniente da UFPA e do Governo do Estado, que investiu no asfaltamento da área de acesso ao laboratório.

“A estrutura pode ser comparada a laboratórios internacionais que são referência em alta e extra-alta tensão. Ele representa um marco para a região, possibilitando a formação de mão de obra qualificada e estimulando a pesquisa, além de facilitar o acesso dos empresários locais a ensaios importantes para garantir a qualidade dos equipamentos utilizados na transmissão e distribuição de energia”, informou o coordenador do laboratório, o prof. Dr. Marcus Vinicius Nunes.  

“Somos um parque tecnológico relativamente jovem e ficamos muito satisfeitos e felizes de ter mais um laboratório para prestar serviços especializados para a sociedade, hoje vemos aqui uma síntese do que queremos para o Estado, o ensino e a pesquisa trabalhando junto com o setor produtivo para gerar inovação e renda para a região” comentou Antônio Abelém, o diretor presidente do PCT Guamá.

O Laboratório de Alta e Extra-Alta Tensão conta com uma estrutura moderna, com equipamentos provenientes da Suíça e dos Estados Unidos. Nele, equipamentos como geradores de impulso de tensão, impulso de corrente e fonte série ressonante são capazes de simular descargas atmosféricas para testar diferentes tipos de dispositivos utilizados em equipamentos de subestações de transmissão e distribuição, como cabos, isoladores, transformadores, para-raios, dentre outros. Com os testes, as empresas podem confirmar, antes de instalar o aparelho na rede elétrica, se os dados dos fabricantes condizem com a capacidade dos aparelhos e também podem analisar o desempenho de equipamentos com longo tempo de uso.

PCT Guamá 

Construído em Belém, em uma área de 73 ha cedida pela UFPA e pela UFRA, o PCT Guamá é o primeiro parque tecnológico a entrar em operação na Região Norte. A construção e consolidação do espaço são de responsabilidade do Governo do Pará, por meio da Sectet.

Além do Laboratório de Alta e Extra-Alta Tensão, o parque tecnológico conta com outros empreendimentos como o Laboratório da Qualidade do Leite, o Centro Regional Amazônia do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CRA Inpe);  o Centro de Excelência em Eficiência Energética da Amazônia (Ceamazon) e o Espaço Inovação, prédio que abriga laboratórios avançados de pesquisa e desenvolvimento que oferecem serviços variados para os setores público e privado, startups e empresas que tenham por essência o investimento em inovação.

Fotos: Alexandre Moraes / Ascom Pct Guamá

COMPARTILHAR