Imprensa Oficial apoia Campanha Livro Viajante

730x250

Em homenagem ao Dia do Livro, a Infraero promove, a partir deste sábado, 28 de outubro, a 5ª edição da campanha Livro Viajante no Aeroporto Internacional de Belém/Val-de-Cans. Cerca de 1500 livros, identificados com o selo da campanha, estarão à disposição dos passageiros até o dia 5 de novembro, podendo ser encontrados nas salas de embarque. Desse total cerca de 500 foram doados pela Imprensa Oficial do Estado, por meio do projeto Livro Solidário, que desde o início apoia a campanha. “A Imprensa Oficial do Estado se sente honrada em participar mais uma vez do projeto Livro Viajante, pois é uma forma de incentivar e aumentar o número de leitores. O projeto Livro Solidário que coordenamos está doando livros de autores paraenses que serão lidos por pessoas de todo o Brasil. Isso é muito gratificante”, pontua o presidente da Imprensa Oficial do Estado, Cláudio Rocha. O Livro Viajante, ação realizada pela Infraero desde 2013, surgiu a partir do BookCrossing, nos Estados Unidos, em 2004, e pode ser definido como a prática de deixar um livro num local público, para que outras pessoas o encontrem, leiam e voltem a liberá-lo. Desde o primeiro ano, a ação é bem recebida e elogiada pelos passageiros. “A reação das pessoas que estavam nos aeroportos e pararam para pegar um livro foi bastante positiva. Alguns passageiros se espantavam ao saber que os livros eram gratuitos e que elas podiam leva-los em suas viagens. Nosso único pedido aos que levavam os livros era que, após a leitura, eles os disponibilizassem para que outras pessoas pudessem ler”, explica Odilene Amazonas, funcionária da Infraero e uma das responsáveis pela iniciativa no Aeroporto Internacional de Belém. Com informações da Ascom Infraero  
Agência Pará de Notícias

COMPARTILHAR