Hemopa lança campanha ‘Folia que Salva Vidas’, em Belém

0
203

Por: www.revistaamazonia.com.br

A demanda transfusional tem sido crescente em todo o Brasil e no Pará não é diferente. Para suprir essa necessidade, de 16 a 23 de fevereiro, a Fundação Hemopa realiza a campanha “Folia que Salva Vidas”, com o objetivo de formar estoque para atendimento transfusional da rede hospitalar no período do carnaval.

Esse período do ano é considerados mais críticos no serviço de captação de sangue também pelas intensas chuvas do inverno amazônico, que acabam dificultando o acesso de voluntários aos serviços de coletas; e doenças comuns dessa época – gripes, dengue, zika, chikungunya, doenças respiratórias, que inabilitam temporariamente a doação.

Esse tipo de ação estratégica visa o aumento do número de candidatos à doação de sangue para, assim, formar estoque e garantir o atendimento integral da demanda transfusional da rede hospitalar do Estado, atualmente composta por mais de 200 hospitais de básica, média e alta complexidade.

A abertura, marcada para sábado (16), será marcada por um grande bloco de carnaval solidário. Integrantes da Liga das Escolas de Samba do Grupo Especial de Belém (A Grande Família, Bole-Bole, Deixa Falar, Império Pedreirense, Matinha, Quem São Eles, Piratas da Batucada, Xodó da Nega) irão fazer a festa na Praça Batista Campos, onde também estará a Unidade Móvel de coleta de sangue.

O evento contará ainda com a presença dos mascotes do Remo e Paysandu, e das Leoas Azulinas e Bicolindas, como parte da Campanha “Doadores Futebol Clube 2019”. A programação terá seu ponto alto com o lançamento oficial do samba enredo do Bloco “Sapo Muiraquitã”, que vai levar para avenida a mensagem da doação de sangue com a música “Doar sangue é salvar vidas. Salvar vidas é um ato de amor”.

Durante toda a manhã, haverá ações em torno da Praça, como a “Blitz Educativa”, com distribuição de material sobre a doação de sangue, e a participação voluntária de várias instituições parceiras, entre elas Cruz Vermelha, com instruções de primeiros socorros; Grupo de Dança da Faculdade Ciência e Conhecimento; e grupo Sorrir.

Convite – O Hemopa convida amigos e familiares que sempre se juntam para pular a folia de momo para organizar seu próprio bloco e fazer parte da “Folia que Salva Vidas”. As inscrições estão abertas no site do Hemopa e a concentração na Praça começa às 9h.

Ao longo da semana da Campanha de Carnaval, haverá uma série de ações, tanto no Hemocentro Coordenador, quanto nas Estações de Coleta Castanheira e Pátio Belém. A programação é toda feita em parceria com instituições, empresas e artistas locais que disponibilizam um pouco de seu tempo em prol da mobilização pela doação de sangue.

Programação – Antecipando a campanha, nesta sexta-feira (15), as candidatas ao concurso “Rainha das Rainhas” e a organização do evento visitarão a sede do Hemopa para prestigiar doadores e pacientes atendidos pelo hemocentro. Elas serão recepcionadas pela direção do órgão e apresentadas para servidores, doadores, pacientes e acompanhantes no auditório, onde elas darão uma prévia com desfile individual e em grupo aos presentes.

Logo após, elas farão o “Hemotur” para conhecer as instalações do Hemopa, com destaque para o parque laboratorial, Banco de Sangue de Cordão Umbilical e Placentário (BSCUP), Recepção Doadores, Sala Coleta de Sangue e Atendimento Ambulatorial dos pacientes.

Interior – Além das unidades de Belém, a campanha de carnaval também será realizada nos três Hemocentros Regionais e nos cinco Núcleos de Hemoterapia. Em Tucuruí, a ação vai de 16 a 22 de fevereiro. Já em Abaetetuba, Altamira, Capanema, Castanhal, Marabá e Santarém e Redenção, será de 25 de fevereiro a 1° de março.

Para ser um candidato à doação de sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos (menores devem estar acompanhados do responsável legal), ter mais de 50 kg, estar bem de saúde e portar documento de identificação oficial, original e com foto.

Por Jaqueline Menezes